Novas especificações do Nintendo Switch?

Rumor começou a ganhar força nesse final de semana

Quando foi revelado, o anúncio do Nintendo Switch não trouxe especificações ‘oficiais’ do console, seja no modo portátil/mobile, seja como console de mesa. Assim sendo, utilizados informações extraoficiais sobre quais seriam as especificações básicas do console.

Eis que então, poucos dias após uma série de boatos, virarem rumores e finalmente começarem a serem noticiados por vários sites, novas especificações (mais poderosas), surgiram na web, extra oficialmente (mas sem que a Nintendo negasse qualquer informação). Aqui estão:

  • 4 núcleos ARM Cortex-A57, máximo 2GHz
  • Arquitetura Nvidia Maxwell de segunda geração
  • 256 núcleos CUDA, máximo 1 GHz, 1024 FLOPS/ciclo
  • 4 GB de RAM (25.6 GB/s, VRAM partilhada)
  • 32 GB de armazenamento (transferência máxima de 400 MB/s)
  • USB 2.0 e 3.0
  • Ecrã 1280 x 720 6.2″ IPS LCD
  • Saída de video a 1080p e 60 fps ou 4k e 30 fps no máximo

Levando em conta as especificações dos consoles já lançados (One e PS4, já que o Scorpio e o Pro, ainda não estão entre nós), a sensação é que teremos algo compatível com qualidade de um PS3, ou algo pouco melhor. Longe, obviamente, da realidade atual alardeada pela comunidade gamer. Será então que a Nintendo arriscou ainda mais em ‘inovar’, do que atender a demanda por algo mais próximo da realidade?

Como se trata de um rumor (mas lembrem-se que já são duas listas com especificações parecidas), pode ser que a surpresa não seja tão grande quando houver o anúncio oficial. De qualquer forma, a Nintendo, mais uma vez, aposta em algo entre a nova e a velha geração, se assim podemos dizer. Ao menos sabemos que ela aprendeu com os erros do Wii U, portanto, resta darmos um voto de confiança na empresa.

ShinjiNorris

Blogueiro dessa bagaça: OtakuBFX
Bombardeado por muito DBZ e CDZ na minha infância, eu comecei a entender e a amar ainda mais os animes e mangás depois de ler Neon Genesis Evangelion. Sou otaku e meu melhor amigo é o Shinji Ikari.

Se der problema já sabe quem culpar...

Advertisment ad adsense adlogger